top of page

Nutrir Amor Próprio

“Ame a si mesmo primeiro e todo o resto virá em seguida. Você precisa amar a si mesmo verdadeiramente para conseguir fazer alguma coisa neste mundo.”

-Lucille Ball-

O amor próprio é um estado de apreciação de si mesmo que cresce a partir das atitudes que apoiam a própria saúde física e psicológica e estimulam nosso crescimento espiritual.

O amor e a relação, mais importante nesta vida é connosco mesmos, para uma vida fluida e feliz temos que estar sempre em primeiro lugar.

Infelizmente há muitas pessoas que colocam a relação com os filhos, maridos, mulheres, com o trabalho, primeiro achando que estão a fazer bem, mas mais cedo ou mais tarde não vai ser sustentável, pois estaremos em esforço e desequilíbrio connosco.

É sagrado o alinhamento primordial com o nosso amor, que tem que ser nutrido e ampliado ao longo da nossa existência, só assim estamos em condições para amar o exterior a nós. É uma ilusão achar que não há consequências, com este tipo de padrão, muitas vezes, é a paz interior o preço a pagar.

Devemos sempre ser a prioridade nas nossas vidas e contribuir para o nosso bem-estar físico, mental, emocional e espiritual, de uma forma ativa e consciente. Termos consciência que somos energia, e que temos de tratar da qualidade e quantidade de energia que temos no nosso dia-a-dia. A energia é vital para a nossa vida fluir e fazermos tudo com muita leveza, sem esforço. Para isso, temos que nos amar muito, sentirmo-nos realizados e felizes com o que somos, estar a vibrar na frequência de energia do amor próprio, apreciarmo-nos, valorizarmo-nos, estarmos apaixonados por nós!



16 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page